Breaking

Curiosidades | Por Trás das Palavras. | Tony Casanova

   "Os fins justificam os meios".  Célebre frase enganosamente atribuída a Nicolau Maquiavel pelo uso dela em seu Livro O príncipe e que ainda não se sabe ao certo quem proferiu. A autoria da frase é contraditória e incerta, mas foi Maquiavel quem a eternizou. O fato é que muitas pessoas distorcem o significado real da frase, usando convenientemente. Mas será que realmente os fins justificam os meios? Talvez você tenha entendido errado a colocação da frase, vamos então procurar analisar passo-a-passo e procurar o sentido dado pelo autor?  
    Vamos então por parte:

   Os fins são os objetivos que se pretende alcançar. São a nossa finalidade. Mas vamos analisar a questão por outro lado. Será que a nossa finalidade é legal? Porque uma justificativa pode ser legítima, mas não legal. Não são os fins acima da legalidade e qualquer justificativa será válida se os objetivos forem legais. Vamos entender? Vamos imaginar um caso de Eutanásia onde o paciente vegetal implora por sua própria morte, ou mesmo a família decide encerrar o sofrimento devido ao estado vegetativo de um ente querido. Com esta iniciativa e de acordo com a família, a equipe médica decide desligar os aparelhos. Esta ação é legítima, mas não é legal. Neste caso, na sua opinião, os fins justificam os meios?   
   Existem tantos outros casos em que poderíamos nos basear para esta enquete, mas deixo a critério de cada um analisar de acordo com seu entendimento da frase. Vamos então a segunda parte dela.

   Justificam... ação de justificar alguma inocência, procedimento ou ato cometido. Tornar justo, explicado e coerente.  Mas será que realmente os objetivos, a finalidade justifica a ação? Ora em casos de Crimes Passionais é muito comum a justificativa de que matou-se por amor. Difícil entender a que tipo de amor se refere o criminoso. Em que situação tirar uma vida pode ser justificado? Mesmo na Legislação que prevê casos de Legítima Defesa, ela não representa a isenção de Processo, Julgamento e Sentença.  Não é a ação de cometimento de um crime que carateriza um criminoso? Como pode ser inocente aquele que atenta contra uma vida? Algumas situações podem realmente ser justificadas pelos fins?

   Estaríamos então quebrando os princípios da Moral e da Ética assumindo que de acordo com os fins os meios podem ser justificados? É justo roubar de ricos pelo fato de doarmos o produto do roubo aos pobres ou será que roubar é um crime que não se justifica neste caso? Estaremos vivendo na época do vale tudo  se acreditarmos que somente o fim é suficiente para justificar todos os meios. E se de repente todos os pobres resolvessem roubar dos ricos com fins de ficarem ricos também, o meio "roubar" seria justo?

   Os Meios são as formas que usamos para alcançar os fins, o famoso Modus Operandis,  mas se por um lado a frase pode ter sido genial, na prática a coisa é bem diferente. Quando criada, proferida, esta frase foi colocada para uma situação específica, semelhante a muitos versículos Bíblicos que são usados aleatoriamente para situações convenientes nos dias de hoje. Definitivamente nem todos os fins justificam os meios, tudo é muito relativo....ops! Cada situação deve ser analisada de forma isolada.

   O presente texto está sob a proteção de Direitos de Propriedade Intelectual reservados a Tony Casanova sendo proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação total ou parcial, utilizando-se qualquer meio, independente dos fins, sem a autorização prévia e expressa do autor. O desrespeito está previsto como crime nas Legislações Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual e está passivo das medidas legais cabíveis.

Tony Casanova, Escritor e Autor Brasileiro. Escreveu os livros:

1 - Panorama das Arte – Editora Clube de Autores – Versões Impressa e E-book

2 - No Litoral das Relações – Editora Clube de Autores – Versões Impressa e E-book

3 - Relações Instáveis – Editora Amazon (E-book) e Clube de Autores (Impresso)

4 - O Amor Segundo a Bíblia – Editora Amazon (E-book) e Clube de Autores (Impresso) 

5 - O Amor Fala Francês – Editora Saraiva (E-book) e Clube de Autores (Impresso)

Para saber mais sobre o autor e onde adquirir seus livros você pode seguir ESTE LINK

***Tradução Automática feita sob responsabilidade de terceiros feito a partir de texto originalmente escrito na Língua Portuguesa do Brasil.
...........................................................................................................................................................  

   Curiosities | Behind the Words | Tony Casanova

  "The ends justify the means." Celebrated deceptively phrase attributed to Niccolo Machiavelli by the use of it in his book The Prince and who is not known for sure who uttered. The authorship of the phrase is contradictory and uncertain, but it was Machiavelli who immortalized. The fact is that many people distort the real meaning of the phrase, using conveniently. But is that really the end justifies the means? You may have misunderstood the placement of the phrase, let's try to analyze step-by-step and seek the meaning of the author?
    Let us by:

   The ends are the objectives to be achieved. They are our purpose. But let's consider the issue on the other side. Does our purpose is legal? As a justification may be legitimate but not legal. It is not the purpose above the law and any excuse is valid if the objectives are legal. Let us understand? Let's imagine a case where the plant Euthanasia patient begs for his own death, or even the family decides to end the suffering due to the vegetative state of a loved one. With this initiative and according to the family, the medical team decides to pull the plug. This action is legitimate, but it is not legal. In this case, in his view, the ends justify the means?
   There are many other cases in which we could build on to this poll, but I leave the discretion of each analysis in accordance with its understanding of the phrase. so let the second part of it.

   ... Justify action to justify any innocence, committed or procedure act. Make fair, consistent and explained. But is that really the objective, the purpose justifies the action? Now in the case of Crimes of Passion is very common justification that was killed for love. Difficult to understand what kind of love referred to criminal. In that situation take a life can be justified? Even the legislation providing for cases of Self Defense, it does not represent the exemption process, Judgment and Sentence. It is not the commission of a crime of action featuring a criminal? As can be guiltless that threatens a life? Some situations may actually be justified by the objective?

   Then we'd be breaking the principles of morality and ethics assuming according to the purpose the means can be justified? It's just steal from the rich because we give the product of theft to the poor or is that stealing is a crime that is not justified in this case? We will be living at the time of anything goes if we believe that only the end is enough to justify all means. And suddenly all the poor steal from the rich to solve the purpose of getting rich too, means "steal" would be fair?

   The means are the ways we use to achieve the purpose, the famous modus operandi, but if on the one hand the phrase may have been great, in practice the thing is quite different. When created, delivered, this phrase was put to a specific situation, similar to many Bible verses that are used randomly for convenient situations today. Definitely not all the ends justify the means, everything is very relative .... oops! Each situation must be analyzed in isolation.

   This article is under Rights Protection Intellectual Property reserved Tony Casanova is prohibited to copy, paste, reproduction or total or partial disclosure, using any means, regardless of the purpose, without the prior and express authorization of the author. Disrespect is planned as a crime in the National Legislation and Protection International of Intellectual Property Rights and is a liability of legal action.

Tony Casanova, Writer and Author Brazilian. He wrote the books:

1 - Overview of Art - Publisher Authors Club - Printed versions and E-book

2 - The Coastal Relations - Publisher Authors Club - Printed versions and E-book

3 - Unstable relations - Publisher Amazon (E-book) and Authors Club (Printed)

4 - Love According to the Bible - Publisher Amazon (E-book) and Authors Club (Printed)

5 - The Love Speaks French - Editora Saraiva (E-book) and Authors Club (Printed)

To learn more about the author and where to get your books you can follow THIS LINK

*** Automatic Translation made under third party liability made from text originally written in Portuguese in Brazil.
.................................................. .................................................. .................................................. .....

  Curiosidades | Detrás de las Palabras | Tony Casanova

  "El fin justifica los medios". frase engañosamente célebre atribuida a Nicolás Maquiavelo por el uso de ella en su libro El Príncipe y que no se sabe con certeza que pronunció. La autoría de la frase es contradictorio e incierto, pero fue Maquiavelo que inmortalizó. El hecho es que muchas personas distorsionan el verdadero significado de la frase, utilizando convenientemente. Pero es que realmente el fin justifica los medios? Es posible que haya entendido mal la colocación de la frase, vamos a tratar de analizar paso a paso y buscar el significado del autor?
    Vamos por:

   Los extremos son los objetivos a alcanzar. Ellos son nuestro propósito. Pero vamos a considerar la cuestión en el otro lado. ¿Nuestro propósito es legal? Como justificación puede ser legítimo, pero no es legal. No es el propósito por encima de la ley y cualquier excusa es válida si los objetivos son legales. Vamos a entender? Imaginemos un caso en que la eutanasia paciente planta ruega por su propia muerte, o incluso la familia decide poner fin al sufrimiento debido al estado vegetativo de un ser querido. Con esta iniciativa y de acuerdo con la familia, el equipo médico decide tirar del enchufe. Esta acción es legítima, pero no es legal. En este caso, en su opinión, el fin justifica los medios?
   Hay muchos otros casos en los que se podrían aprovechar a este tema, pero dejan a discreción de cada análisis de acuerdo con su comprensión de la frase. así que vamos a la segunda parte de ella.

   ... Justificar una acción para justificar cualquier acto inocencia, comprometidos o procedimiento. Hacer justa, coherente y explicado. Pero es que realmente el objetivo, el propósito justifica la acción? Ahora bien, en el caso de los crímenes de la pasión es una justificación muy común que se mató por amor. Difícil de entender qué clase de amor que se refiere penal. En esa situación, llevar una vida puede justificarse? Incluso la legislación que prevé los casos de la autodefensa, no representa el proceso de exención, Fallo y Pena. No es la comisión de un delito de acción que ofrece un criminal? Como puede ser inocente al que pone en peligro una vida? Algunas situaciones pueden en realidad ser justificadas por el objetivo?

   Entonces estaríamos rompiendo los principios de la moral y la ética suponiendo según la finalidad de los medios pueden justificarse? Es sólo roban a los ricos porque nos damos el producto del robo a los pobres o es que robar es un delito que no se justifica en este caso? Estaremos viviendo en el momento del todo vale si creemos que sólo al final es suficiente para justificar todos los medios. Y de repente todos los pobres roban a los ricos para resolver el propósito de hacerse rico también, significa "robar" sería justo?

   Los medios son los medios que utilizamos para lograr el propósito, el famoso modus operandi, pero si por un lado la frase puede haber sido grande, en la práctica, la cosa es muy diferente. Cuando se crean, entregado, esta frase se sometió a una situación específica, similar a muchos versículos de la Biblia que se utilizan de forma aleatoria para situaciones convenientes hoy. Definitivamente no todos los fines justifican los medios, todo es muy relativo .... ¡Uy! Cada situación debe ser analizada de forma aislada.

   Este artículo está bajo protección de los derechos de propiedad intelectual reservados a Tony Casanova está prohibido copiar, pegar, reproducción o divulgación total o parcial, por cualquier medio, independientemente de la finalidad, sin la autorización previa y expresa del autor. La falta de respeto está previsto como delito en la legislación nacional y la Protección Internacional de los Derechos de Propiedad Intelectual y es una responsabilidad de las acciones legales.

Tony Casanova, escritor y autor brasileño. Él escribió los libros:

Las versiones impresas y E-libro - 1 - Descripción general del Arte - Autores club de editor

Las versiones impresas y E-libro - 2 - Las Relaciones costeras - Autores club de editor

3 - las relaciones inestables - Editorial Amazon (E-book) y Autores Club (impreso)

4 - Amor De acuerdo con la Biblia - Editorial Amazon (E-book) y Autores Club (Impreso)

5 - El Amor Habla francés - Editora Saraiva (E-libro) y los autores del club (Impreso)

Para obtener más información sobre el autor y dónde obtener sus libros que puede seguir este enlace

*** Traducción Automática realiza bajo la responsabilidad civil hecha del texto escrito originalmente en portugués en Brasil.

Seguidores do Google

Busque por Tag

# Apareceu #Pelada # Livro #2016 #a menina que gostava de livros #Acreditar #Adsense #Adversidades #Agosto #Álcool #Alcoolismo #Alerta #Alimentação #alma #Amazon #Ambiente #Amigos #Amizades #Amor #Anitta #anjo #AoLeitor #Aplicativo #Apoio #App #Aracaju #Arte #Artesanato #Atriz #Atualizador #Audição #Autor #Autora #Autoras #Autores #Baixo #Bem #BestSeller #Bíblia #Biblioteca Virtual #Bienal #Bigo #BigoLive #Bio-Adversidade #Bioadversidade #Blog #Blogger #Blogosfera #Blogs #Blogueira #Blogueiro #Brasil #Brasileira #Brazilian #Busca #Câncer #Capa #Caso #Castro Alves #Celebridade #Cidadania #Clube de Autores #Coelho #como #Conceitos #Configuração #conhecimento #Conotação #Conquistar #Construção #conto #convencional #Convite #coração. #Coutinho #criança. #Crianças #Críticas #Crônica #Cuidados #Cultura #Curiosidades #Cyntia Bandeira Lino #De onde vem #Definições #desenhos #Devasso #Dia dos Pais #Dicas #digital #Dinheiro #Divulgação #Divulgar #Doações #E-book #E-books #E-commerce #E-reader #Ebook #Ecommerce #Ecossistema #editoras #Educação #Ensino #Equilíbrio #Escola #Escrever #Escrita #Escritor #Escritora #Escritoraluziacouto #Ética #Explicação #Expressão #ExtraTerrestres #Facebook #Fala #Falência #Falhas #Família #Famílias #Feed #FeedBurner #Felicidade #Figura #Fim #folha #Força #Forma #Formação #Formas #Formatos #futuro #GACC #Ganhar #Globo #Google #Gospel #Grátis #Guerra #Harry #Hellen #Homenagem #Humanas #Humor #Igualdade #Importância #Impresso #Indivíduo #Infantil #Inspiração #Instagram #Internacional # Livro #Internet #Jesuína #Lançamento #Larissa #Leis #Leitor #Leitora #Leitura #Ler #Linguagem #Literatura #Live #Livraria Virtual #Livrarias #livro #Livros #Lua #Luzia Couto #Mal #Marcia Pimentel #Márcia Pimentel #Maria #MariaOliveira #Meditação #Meio-Ambiente #Melhor #Melhorar #Mensagem #Metodologia #Mineira #Minha História #Monetização #Moral #mulher #Música #Narração #Natal #Novidade #Novidades #Nudez #o conhecimento #O que tem hoje #O que tem hoje Marcia? #Objetivos #Oferta #Oliveira #Onde divulgar meus livros #onde? #online #Opinião #Oportunidade #Pagamentos #Pagar #palavras #Paola #Paradigmas #Paulo #Perigos #Planejamento #Planeta #Poderosa #Poema #Poesia #Polícia #Potter #Preço #Problemas #Procura #Profissão #Promoção #prosa #publicar #Quem é #RedesSociais #Reflexão #Relações #Relações Instáveis #Release #Resenha #Respeito #Responsabilidade #Resumo #Riso #Romance. #Tony Casanova #Rui Barbosa #Saiba como #Saiba mais #São Paulo #Saraiva #saudade. #seca #Segurança #Séries #significados #Singapura #Site #Skoob #Sobrenatural #Sociedade #Solidão #Sonhos #sonhosdecriança #Sorteio #Stream #Streaming #Sucesso #Televisão #Terra #Terror #texto #Tony Casanova #TopBeless #Tradições #Tutorial #TV #Twitter #Uso #Valor #verso #Vícios #Vida #Video #Vídeo #Virtual #Visão #YouTube Autores Bíblico Brasileiro Cadastro Casanova Celebridade Deus Ebook Emma Escolha Escritor Escritores Figueiredo Grátis Homem Homenageada Indonésia Internet Jacarta Justiça Kurnia Literatura Livro Mães Marcia? Nadja Noivas Onde posso Presentes prosa. Referências texto Tony verso Vídeo