Breaking

Redes Sociais | O Destino das Redes Sociais Atuais.

  Elas podem até parecer eternas, mas não são. Muita gente até hoje se pergunta como uma empresa sólida e competente como a Americana Google permitiu que o Orkut fosse retirado de circulação. É uma longa explicação, mas o fato é que manter servidores e pessoal especializado para que as redes sociais fiquem online 24 horas por dia, por sete dias na semana e durante todo o ano requer investimento e logicamente quem investe deseja retorno. Ai começam os problemas das redes sociais. O Orkut assemelhava-se ao Facebook e dominava uma enorme fatia de mercado, mas começou a declinar por conta do interesse financeiro dos criadores que no anseio de reaverem com lucros os investimentos colocados, conseguiram irritar os usuários com uma avalanche de anúncios e mudanças de interface sem nenhuma consulta ou aviso. 

  Pensar como investidor é fácil, eles são os melhores do mercado e sabem o que fazem, como desenvolvedores são extremamente competentes, mas pecaram porque esqueceram um detalhe importante em qualquer rede social: São os usuários que mantém a rede de pé. Sem usuários os anunciantes anunciam seus produtos para ninguém. Mas o maior erro que o Facebook vem cometendo é o de esquecer que o produtor de conteúdo não é um cliente, mas um parceiro e ele ajuda a manter a rede atrativa introduzindo nela conteúdos que atingem os usuários e os mantém ali. O Facebook deu o maior tiro no pé da sua história quando começou a usar algoritmos que impedem o crescimento das Fan Pages e consequentemente o aumento dos seus usuários alcançados. Neste caso ousamos lançar aqui uma sugestão: Que o Facebook passe a tratar os produtores de conteúdo de fato como parceiros e institua a eles ganhos sobre os anúncios em suas Fan Pages, desta forma seria justo para quem produz e mantém e com o alcance de usuários liberado, mais anunciantes poderiam investir na divulgação das suas marcas, produtos e serviços com a certeza de que alcançariam mais usuários. Mas para isso é preciso diferenciar quem é anunciante de quem é produtor de conteúdos, cobrar de quem anuncia e remunerar quem produz.

  O Instagram, diga-se Facebook 2, está entrando na mesma linha e introduzindo cada vez mais anunciantes, transformando aquilo que conhecemos como rede social em rede de spam. E tenham certeza, não há nada que irrite mais um usuário do que spam. Esta é a razão da migração de vários usuários. Os desenvolvedores podem entender tudo de programação, desenvolvimento, de tecnologia, mas não entendem nada, absolutamente nada de usuários. Mesmo porque os contatos são sempre automatizados e na verdade eles não querem ouvir opiniões, sugestões ou críticas, querem mais é lotar as redes de usuários e anunciantes e ganhar dinheiro. 

  O fim do Orkut e posteriormente de outras redes sociais marcou uma era em que os desenvolvedores aprenderam que impor aquilo que desejam não funciona e aqueles que ainda não perceberam, como os desenvolvedores do Facebook, ainda irão aprender. Mark Zuckerberg, presidente da rede social, está comprando outros segmentos e implantando a mesma política capitalista que desagrada os usuários e desta forma acabará tendo no jardim de casa, belos elefantes brancos. A política de marketing agressivo vem demonstrando ser um bom tiro pela culatra e a saída seria pesar menos a mão nos anunciantes e remunerar quem produz, utilizando a receita para fazer um bolo perfeito.

  Se Zuckerberg deseja continuar conduzindo a rede social segundo sua própria vontade e continuar submetendo usuários ás mudanças repentinas e avalanches de anúncios, que pena, mas o fato é que ele estará, semelhantes a tantos outros, declarando a falência múltipla do seu tão querido Facebook. Mais ainda, qualquer rede social que ele tocar, terá o mesmo fim. Até que surja alguém que resolva quebrar o monopólio e trabalhar em uma rede social justa para todos e onde seus usuários sintam-se minimamente respeitados.

Texto do Escritor e Autor Tony Casanova. Todos os Direitos Reservados e garantidos pelas Leis Nacionais e Internacionais de Proteção aos Direitos de Propriedade Intelectual. Proibida a cópia, colagem, reprodução ou divulgação de qualquer natureza, do todo ou parte dele, independente dos meios ou fins. A violação destes Direitos constitui-se crime e está passiva das punições legais cabíveis. 

Saiba mais do autor NESTE LINK
...........................................................................................................................................

  Social Networking | The Destiny of Current Social Networks.

  They may seem eternal, but they are not. Many people today ask themselves how a solid and competent company like Americana Google allowed Orkut to be taken out of circulation. It is a long explanation, but the fact is that maintaining servers and specialized staff so that social networks stay online 24 hours a day, seven days a week and throughout the year requires investment and logically who invests want return. Then the problems of social networks begin. Orkut resembled Facebook and dominated a huge market share, but it began to decline because of the financial interest of creators who in the longing to profitably recover the investments placed, have managed to irritate users with an avalanche of ads and interface changes Without any query or warning.

  Thinking as an investor is easy, they are the best on the market and know what they do, as developers are extremely competent, but have sinned because they have forgotten an important detail in any social network: They are the users that keeps the network standing. Without users advertisers advertise their products to anyone. But the biggest mistake Facebook has made is to forget that the content producer is not a customer but a partner and it helps keep the network attractive by introducing content that reaches users and keeps them there. Facebook took the biggest shot in the footsteps of its history when it started using algorithms that impede the growth of Fan Pages and consequently the increase of its users achieved. In this case, we dare to make a suggestion here: Let Facebook treat content producers as partners and institute them gains on the ads in their Fan Pages, in this way it would be fair for those who produce and maintain and with the reach of users Released, more advertisers could invest in advertising their brands, products and services with the certainty that they would reach more users. But for this, it is necessary to differentiate who is an advertiser of who is a producer of content, to charge who announces and remunerate who produces.

  Instagram, say Facebook 2, is entering the same line and introducing more and more advertisers, transforming what we know as a social network into a spam network. And rest assured, there is nothing that annoys more a user than spam. This is the reason for the migration of multiple users. Developers can understand everything programming, development, technology, but do not understand anything, absolutely nothing users. Even though the contacts are always automated and in fact they do not want to hear opinions, suggestions or critics, they want more to fill the networks of users and advertisers and to make money.

  The end of Orkut and later of other social networks marked an era in which developers have learned that imposing what they want does not work and those who have not yet realized, as Facebook developers, will still learn. Mark Zuckerberg, president of the social network, is buying other segments and implementing the same capitalist policy that displeases users and thus end up having beautiful white elephants in the home garden. The aggressive marketing policy has been proving to be a good backfire, and the bottom line would be to weigh less on advertisers and reward those who produce by using the recipe to make a perfect cake.

  If Zuckerberg wants to continue to lead the social network at his own will and continue to submit users to the sudden changes and avalanches of ads, what a shame, but the fact is that he will be, like so many others, declaring the multiple bankruptcy of his beloved Facebook. Moreover, any social network that he touches, will have the same purpose. Until someone emerges who will break the monopoly and work on a social network just for everyone and where its users feel minimally respected.

Writer Text and Author Tony Casanova. All Rights Reserved and guaranteed by the National and International Laws for the Protection of Intellectual Property Rights. No part of it may be copied, collated, reproduced or disseminated, regardless of its means or purpose. The violation of these Rights constitutes a crime and is passive of the applicable legal punishments.

Learn more about the author IN THIS LINK
.................................................. .................................................. .......................................

  Las redes sociales | El destino de redes sociales actuales.

  Pueden incluso parecen eterna, pero no lo son. Mucha gente hoy en día se preguntan cómo una empresa sólida y competente como American Google permitió Orkut fue retirado de la circulación. Es una larga explicación, pero el hecho es que el mantenimiento de servidores y personal especializado para permanecer redes sociales en línea 24 horas al día, siete días a la semana y durante todo el año requiere una inversión y, lógicamente, los que invierten quiere volver. Ai comienzan los problemas de las redes sociales. Orkut se parecía a Facebook y dominó una gran participación en el mercado, pero comenzó a declinar debido a los intereses económicos de los creadores en el deseo de llevar con ganancias las inversiones colocadas, logró molestar a los usuarios con un aluvión de anuncios y cambios en la interfaz sin ninguna consulta o notificación.

  Piense como inversor es fácil, que son los mejores en el mercado y saben lo que hacen, ya que los desarrolladores son extremadamente competente, sino que pecaron porque se olvidaron de un detalle importante en cualquier red social: ¿Los usuarios que mantiene la red de pie. No hay anunciantes usuario anuncian sus productos a cualquier persona. Pero el error más grande que Facebook está haciendo es olvidar que el productor de contenidos no es un cliente, sino un socio y ayuda a mantener la red atractiva introducirlo contenidos que llegan a los usuarios y los mantiene allí. Facebook tiene el mayor tiro en el pie de su historia cuando se empezó a usar algoritmos que impiden el crecimiento de las páginas de fans y en consecuencia el incremento de sus usuarios alcanzado. En este caso nos atrevemos lanzar aquí una sugerencia: Lo que el Facebook pasa a discutir el hecho de que los productores de contenido como socios y ellos instituyen las ganancias en los anuncios en sus páginas de fans, por lo que sería justo para los que producen y mantener y llegar a los usuarios liberados, más anunciantes podrían invertir en la difusión de sus marcas, productos y servicios con la garantía de que llegue a más usuarios. Pero para ello es necesario diferenciar que es anunciante que es productor de contenidos que cobran de la publicidad y recompensar a aquellos que producen.

  Instagram, por el Facebook 2, está entrando en la misma línea y la introducción de más y más anunciantes, la transformación de lo que conocemos como correo no deseado a la red de redes sociales. Y luego, no hay nada que irrite a un usuario más de correo no deseado. Esta es la razón de la migración de muchos usuarios. Los desarrolladores pueden comprender toda la programación, el desarrollo de la tecnología, pero entiendo nada, nada en todos los usuarios. Aunque sólo sea porque los contactos siempre están automatizados y que en realidad no quieren oír opiniones, sugerencias o críticas, querer más es llenar las redes de usuarios y anunciantes y ganar dinero.

  El fin de Orkut y más tarde a otras redes sociales marcó una época en la que los desarrolladores aprendieron que imponen lo que quieren no funciona y los que no se han dado cuenta, ya que los desarrolladores de Facebook, todavía habrá aprender. Mark Zuckerberg, presidente de la red social, es la compra de otros segmentos y la implementación de la misma política capitalista que desagrada a los usuarios y por lo tanto llegar a tener el jardín de casa, hermosas elefantes blancos. La política comercial agresiva ha demostrado ser un buen retorno de llama y la salida pesaría menos parte de los anunciantes y recompensar a aquellos que producen, utilizando la receta para hacer la torta perfecta.

  Si Zuckerberg quiere seguir liderando la red social de acuerdo con su propia voluntad y seguir presentando los usuarios de ACE cambios repentinos y anuncios avalanchas, demasiado malos, pero el hecho es que es, como tantos otros, declarando la falla múltiple de su amada Facebook. Por otra parte, cualquier red social que jugó, tendrá el mismo propósito. Hasta que no haya alguien que resuelve para romper el monopolio y el trabajo en una red social justo para todo el mundo y donde sus usuarios se sienten se respetan mínimamente.

Escritor de texto y autor Tony Casanova. Todos los derechos reservados y garantizados por leyes nacionales y Protección Internacional de los Derechos de Propiedad Intelectual. La copia, el collage, la reproducción o divulgación de cualquier tipo, de todos o parte de ella, independientemente de los medios o extremos. La violación de estos derechos constituye un delito y es pasivo las sanciones legales aplicables.

Más información este autor ENLACE

  

Seguidores do Google

Busque por Tag

# Apareceu #Pelada # Livro #2016 #a menina que gostava de livros #Acreditar #Adsense #Adversidades #Agosto #Álcool #Alcoolismo #Alerta #Alimentação #alma #Amazon #Ambiente #Amigos #Amizades #Amor #Andrade #Anitta #anjo #AoLeitor #Aplicativo #Apoio #App #Aracaju #Arte #Artesanato #Atriz #Atualizador #Audição #Autor #Autora #Autoras #Autores #Baixo #Bem #BestSeller #Bíblia #Biblioteca Virtual #Bienal #Bigo #BigoLive #Bio-Adversidade #Bioadversidade #Blog #Blogger #Blogosfera #Blogs #Blogueira #Blogueiro #Brasil #Brasileira #Brazilian #Busca #Câncer #Capa #Caso #Castro Alves #Celebridade #Cidadania #Clube de Autores #Coelho #como #Conceitos #Configuração #conhecimento #Conotação #Conquistar #Construção #conto #convencional #Convite #coração. #Coutinho #criança. #Crianças #Críticas #Crônica #Cuidados #Cultura #Curiosidades #Cyntia Bandeira Lino #De onde vem #Definições #desenhos #Devasso #Dia dos Pais #Dicas #digital #Dinheiro #Divulgação #Divulgar #Doações #E-book #E-books #E-commerce #E-reader #Ebook #Ecommerce #Ecossistema #editoras #Educação #Ensino #Equilíbrio #Escola #Escrever #Escrita #Escritor #Escritora #Escritoraluziacouto #Ética #Explicação #Expressão #ExtraTerrestres #Fabia #Facebook #Fala #Falência #Falhas #Família #Famílias #Feed #FeedBurner #Felicidade #Figura #Fim #folha #Força #Forma #Formação #Formas #Formatos #futuro #GACC #Ganhar #Globo #Google #Gospel #Grátis #Guerra #Harry #Hellen #Homenagem #Humanas #Humor #Igualdade #Importância #Impresso #Indivíduo #Infantil #Inspiração #Instagram #Internacional # Livro #Internet #Ito #Jesuína #Lançamento #Larissa #Leis #Leitor #Leitora #Leitura #Ler #Linguagem #Literatura #Live #Livraria Virtual #Livrarias #livro #Livros #Lua #Luzia Couto #Mal #Marcia Pimentel #Márcia Pimentel #Maria #MariaOliveira #Meditação #Meio-Ambiente #Melhor #Melhorar #Mensagem #Metodologia #Mineira #Minha História #Monetização #Moral #mulher #Música #Narração #Natal #Novidade #Novidades #Nudez #o conhecimento #O que tem hoje #O que tem hoje Marcia? #Objetivos #Oferta #Oliveira #Onde divulgar meus livros #onde? #online #Opinião #Oportunidade #Pagamentos #Pagar #palavras #Paola #Paradigmas #Paulo #Perigos #piano. #Planejamento #Planeta #Poderosa #Poema #Poesia #Polícia #Potter #Preço #Problemas #Procura #Profissão #Promoção #prosa #publicar #Quem é #RedesSociais #Reflexão #Relações #Relações Instáveis #Release #Resenha #Respeito #Responsabilidade #Resumo #Riso #Rivanda #Romance. #Tony Casanova #Rui Barbosa #Saiba como #Saiba mais #São Paulo #Saraiva #saudade. #seca #Segurança #sementes #Séries #significados #Singapura #Site #Skoob #Sobrenatural #Sociedade #Solidão #Sonhos #sonhosdecriança #Sorteio #Stream #Streaming #Sucesso #Televisão #Terra #Terror #texto #Tony Casanova #TopBeless #Tradições #Tutorial #TV #Twitter #Uso #Valor #verso #Vícios #Vida #Video #Vídeo #Virtual #Visão #Vulcão #YouTube Autores Bíblico Brasileiro Cadastro Casanova Celebridade Deus Ebook Emma Escolha Escritor Escritores Figueiredo Grátis Homem Homenageada Indonésia Internet Jacarta Justiça Kurnia Literatura Livro Mães Marcia? Nadja Noivas Onde posso Presentes prosa. Referências texto Tony verso Vídeo